| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Jornal Mojubá Efón
Desde: 29/12/2009      Publicadas: 60      Atualização: 14/09/2013

Capa |  Culto a Xapanan em Ekiti -Efón  |  Festa de Exu Tiriri  |  Ile Omi Asé  |  Inauguração Asé Lança de Prata  |  Iya Mi Osorongá  |  Noticias do candomblé  |  Noticias do mundo do candomblé  |  Odú Etá de Walace Ty Jàgún  |  Odùdùwá  |  Ori  |  Oriki  |  Orisá de Efón  |  Orisá Ogun em Ekiti  |  Orisá Okó  |  Quem sou eu?!


 Noticias do candomblé

  20/12/2011
  0 comentário(s)


Cultura Iorubá

Ìkomojáde(A escolha do nome dos filhos)na
africa

Cultura Iorubá
A escolha do nome dos filhos
Desde muito tempo os iorubá reuniam a família e os amigos e comemoravam o Dia-de-dar-o-nome
aos filhos (Ìkomojáde), costume esse que dura até hoje.
O nome é escolhido de acordo com a família a que a criança pertence, a posição em que nasceu,
se chorou muito, etc.
Se uma criança vem ao mundo num dia de festa, ou no Natal e Ano Novo, pode chamar-se
Bodunde, ou Abiodun (bi/b" - nascer, odun - festa).
49
As que nascem na estrada, na rua, podem chamar-se Abiona (ona - estrada), e as que nascem
num dia de chuva, Bejide (ejì / ojo - chuva). Já se choveu muito na madrugada do nascimento, pode-
se dar um nome derivado de ojo.
Pessoas que nascem em família real, têm os nomes de Adesoji, Ademola, Adeniyi, Adekanmi,
Adeniji, e outros formados com a palavra ade (coroa).
As pessoas nascidas num dia de alegria para a família são chamadas Adebayo, Ayodeji, Bolaji, e
outros nomes compostos de ayo (alegria) e ola (dignidade, riqueza).
Se morre ao nascer, a criança pode receber os nomes de Popo, Kosoko, Kokumo (não morra
mais), e outros, conforme visto em Abiku.
Se uma criança nasce após a morte de seu pai é chamada de Babatunde, ou Babajide. Se nascer
após a morte da avó, é chamada de Iyabo.
A criança que nasce quando a mãe não tem menstruação chama-se Ìlórì. Se nasce depois de
passados os nove meses, chama-se Omope.
Crianças que necessitam cuidados especiais para se criarem chamam-se Aduke, Abike, Apeke,
Alake, Amoke etc.
Se nascem gêmeos, devem chamar-se infalivelmente Taiwo, o que nasce primeiro, e Kehinde o
segundo a nascer.
50
Se forem trigêmeos, o terceiro deve chamar-se Eta-Òkò. O próximo filho do casal, tem que se
chamar Idowu.
A lenda diz que Taiwo ou Tayewo (to-aiyé-wò) é o mais novo, e sai na frente para "provar o mundo", a
mando de Kehinde, considerado o mais velho (ehin - atrás, de - chegar). Se Taiwo chorar, é sinal de
que o mundo é bom, doce como mel, e então Kehinde sai.
Outros nomes são dados de acordo com a tradição familiar, ou quando se pede a gravidez a um
orixá:
Família de caçadores: Odewùmi, Odewole, Odeyemi, Odesanmi, etc.
Família de guerreiros: Akinbòde, Akintola, Akinyemi, Akinwumi, e outros.
Família que segue a religião dos orixás: Osagbemi, Aborisade, Abegundé, Omítàdé, e outros.
Homenagem a Sango: Sangotade, Sangobiyi, Sangogbemi, Sangowende, etc.
Homenagem a Ogun: Ogunsolà, Ogundé, Ogunmola, Ogundèlé, etc.
Homenagem a Esu: Esubiyi (nascido pela vontade de Esu), Esutosin (para agradecer a Esu), etc.
Para os iorubá esu não tem a conotação pejorativa, de demônio, que tem entre nós. Esu é um orixá
como os outros,

e o nome é tradicional, portanto a pessoa usa-o sem problemas.
" Ikómojáde
Há um dia certo para se dar o nome aos bebês iorubá do sexo masculino: sempre nove dias
depois do nascimento.
Católicos e muçulmanos dão o nome oito dias após o nascimento, independente do sexo.
No Ikómojáde - o ritual de dar o nome, usa-se orogbo, água, vinho, sal e mel. O chefe da família dá
orogbo para o recém nascido comer, para ter vida longa. Depois toca os lábios do bebê com sal e
mel, para ele ter uma existência alegre, e em seguida abençoa a criança, e distribui os orogbos
para todos comerem.
Por causa da importância dada à escolha do nome, e de sua relação com diversos fatores da vida
da família, existe o seguinte provérbio:
"Ile l"ai wò so omo l'oruko" (é a casa que se deve observar primeiro, antes de dar o nome à criança).
Entre os iorubá cada pessoa possui, também, seu oriki (cântico de louvor descrevendo o que a
pessoa é, ou o que se espera que a criança venha a ser. Geralmente fala da bravura e honra, se for
homem, e da formosura e virtudes, se for mulher).

Mais uma vez, vemos a semelhança entre os costumes tradicionais iorubá e os candomblés de
Efón. Os iyawo, na segunda saída, dão o "nome" que receberam de Ifá na feitura, e que é sempre
relacionado com o seu Orixá - pai ou mãe (em geral nome composto com Oba para os filhos de
Sango, Yeye para os de Osun, Ya os de Oya, Iji, os de Obaluaiye, Nã os de Nanã, Iwin os de Osalá,
Odo os de Yemoja etc.).
  Web site: www.jagunsi.com.br  Autor: Jagunsi


  Mais notícias da seção Equipe Jornal Mojubá Efon no caderno Noticias do candomblé
10/05/2012 - Equipe Jornal Mojubá Efon - Ile Jagun Asé Ólòróké
Baba Jagunsi estara realizando Àwon Àjo Àfiyèsí ti Òsun Festejos de Osun...
21/12/2011 - Equipe Jornal Mojubá Efon - Bàbá Jagunsi
Baba Jagunsi um icone do candomblé Efón Carioca (RJ)...
20/12/2011 - Equipe Jornal Mojubá Efon - IDIOMA (Iorubá)
O iorubá é a língua pátria de mais de 10 milhões de pessoas que vivem na região oeste da Nigéria e adjacências....
20/12/2011 - Equipe Jornal Mojubá Efon - Abikú
Nesse espeço falaremos um pouco sobre Abikú...
20/12/2011 - Equipe Jornal Mojubá Efon - Cultura dos Iorubás
Nesse espaço falremos da cultura dos Iorubás mais precisamente de Ekiti....
20/12/2011 - Equipe Jornal Mojubá Efon - Iwá (o bom carater
A importância dada ao bom caráter (ìwà pele)...
10/08/2011 - Equipe Jornal Mojubá Efon - Atendimento consulta
Babalorisa Orlando de Iyemanja...
10/08/2011 - Equipe Jornal Mojubá Efon - Saida de Iyawo
Dia 03/09 as 22hs,babalorisa orlando de Iyemanja estara tirando um barco de 3 iyawo...



Capa |  Culto a Xapanan em Ekiti -Efón  |  Festa de Exu Tiriri  |  Ile Omi Asé  |  Inauguração Asé Lança de Prata  |  Iya Mi Osorongá  |  Noticias do candomblé  |  Noticias do mundo do candomblé  |  Odú Etá de Walace Ty Jàgún  |  Odùdùwá  |  Ori  |  Oriki  |  Orisá de Efón  |  Orisá Ogun em Ekiti  |  Orisá Okó  |  Quem sou eu?!
Busca em

  
60 Notícias